13/05/2015
Plano de Resíduos Sólidos: Novas audiências

As audiências públicas do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos têm continuidade nos municípios do Alto Uruguai Catarinense. Os encontros são fundamentais para que a população dessas cidades contribua com sugestões e fortaleça as discussões, dando mais consistência ao Plano. Os debates estão inseridos na Meta 4.

Lindóia do Sul

Um bom público participou da audiência pública no município de Lindóia do Sul. O evento ocorreu no dia 14 de abril. Na oportunidade, as lideranças desse município discutiram sobre os temas relativos à Meta 4 do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos. Foi um momento oportuno para que a população apresentasse as sugestões que serão inseridas no Plano.

Itá

No município de Itá a audiência aconteceu no dia 15 de abril e teve a duração de duas horas. O encontro foi realizado na Câmara de Vereadores. A participação do público nas discussões foi satisfatória, mostrando que o município está interessado em buscar soluções conjuntas para a destinação dos resíduos sólidos.

Presidente Castello Branco

A audiência ocorreu no dia 16 no Centro de Convivência de Idosos. Teve duração de uma hora e contou com a participação de 110 pessoas. A presença expressiva de moradores enriqueceu os debates. Os castellenses tiveram a oportunidade de opinar e dar suas inferências para a formatação do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos.

Irani

A audiência pública no município de Irani ocorreu no dia 17 de abril. A reunião, que teve a participação de representantes da comunidade, teve cerca de uma hora e meia de duração e ocorreu no período noturno. A presença das lideranças comunitárias atingiu às expectativas

Arvoredo

A audiência ocorreu no dia 17 no Auditório da Secretaria de Educação, teve duração de uma hora e contou com a participação de 55 pessoas. Os moradores participaram ativamente dos debates que visam a construção do Plano. A população debateu temas relevantes de assuntos que deverão impactar na vida de cada cidadão;

Paial

Em Paial, as discussões ocorreram na quarta-feira, dia 22. A audiência ocorreu na Câmara de Vereadores pública, teve a participação de 41 pessoas e durou cerca de uma hora. Os moradores discorreram sobre a correta destinação dos resíduos, uma medida que contribuirá para a melhoria da qualidade de vida dos munícipes.

Xavantina

Na quarta-feira, dia 22, moradores de Xavantina participaram da audiência do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos. O encontro teve a participação de 34 pessoas, duração de uma hora e ocorreu auditório da Secretaria Municipal de Educação. Foi mais uma oportunidade para que os moradores aprofundassem as discussões acerca da formulação do Plano.

Piratuba

Na manhã desta quinta-feira, dia 23, a audiência pública ocorreu no município de Piratuba. O encontro teve a presença de 20 pessoas e duração de uma hora. O palco das discussões foi o auditório do centro de informações turísticas

Concórdia

A audiência pública sobre o Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos ocorreu em Concórdia no dia 22 de abril. O encontro ocorreu na Câmara de Vereadores e teve cerca de uma hora e meia de duração. Foi um momento de singular importância para que os representantes do município polo do Alto Uruguai Catarinense discutissem sobre os planos para a destinação correta dos resíduos sólidos. A participação do público foi satisfatória.

Arabutã

No município, localizado no Vale da Produção, a audiência pública foi realizada no dia 23 de abril e contou com uma presença expressiva de lideranças. A reunião, inserida na Meta 4 do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, aconteceu nas dependências da Prefeitura.

Ipumirim

A audiência pública, realizada no dia 24 de abril no Vale da Produção, teve cerca de duas horas de duração. O encontro aconteceu no auditório da Fundação Cultural. Os ipumirinenses promoveram uma ampla discussão sobre a destinação correta dos resíduos sólidos. Por ser um município que se destaca na atividade agroindustrial, a preocupação com esse tema é notável e a audiência rendeu produtivos debates.

Seara

A audiência pública em Seara ocorreu no dia 24 de abril. No segundo maior município do Alto Uruguai Catarinense 96 pessoas participaram dos debates. Além das discussões acerca do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, ocorreu a audiência do Plano de Saneamento. Os debates aconteceram no auditório municipal.

30/09/2014
PREFEITOS DA REGIÃO DA AMAUC SE REÚNEM PARA TRATAR SOBRE OS ASPECTOS GERAIS DO PLANEJAMENTO DAS AÇÕES DO PMGIRS

Prefeitos da região estarão reunidos na Amauc, amanhã 30 de setembro de 2014, a partir das 13h30min, para tratar sobre os aspectos gerais do planejamento das ações do Plano Municipal de Gestão integrada de Resíduos Sólidos.

Na reunião serão apresentados os possíveis arranjos de ações consorciadas entre municípios, propostas estas levantados durante a elaboração e parecer técnico do diagnóstico dos Resíduos Sólidos da região da AMAUC.

Esta é uma etapa de extrema importância para que Prefeitos tomem conhecimento do que esta sendo realização e proposto, afim de, analisar e manifestar a concordância das propostas levantadas pelas equipes técnicas, as quais serão levadas às AUDIÊNCIAS PÚBLICAS MUNICIPAIS, em cada Município.

Após a reunião com os Prefeitos a equipe responsável pela elaboração dos Planos começa a organização para as Audiências Públicas que irão seguir o seguinte cronograma:

AUDIÊNCIAS PÚBLICAS MUNICIPAIS PARA APRESENTAÇÃO E VALIDAÇÃO DA META 03 DO PMGIRS – AMAUC

MUNICÍPIO DATA E HORA
IPUMIRIM 07/10/2014 – 08h30min
ITÁ 07/10/2014 – 08h30min
IRANI 07/10/2014 – 13h30min
LINDÓIA DO SUL 07/10/2014 – 13h30min
SEARA 08/10/2014 – 08h30min
XAVANTINA 08/10/2014 – 08h30min
ARVOREDO 08/10/2014 – 13h30min
PAIAL 08/10/2014 – 13h30min
PRESIDENTE CASTELLO BRANCO 08/10/2014 – 19h30min
ARABUTÃ 09/10/2014 – 08h30min
JABORÁ 09/10/2014 – 13h30min
PERITIBA 09/10/2014 – 13h30min
CONCÓRDIA 09/10/2014 – 19h30min
IPIRA 10/10/2014 – 08h30min
PIRATUBA 10/10/2014 – 08h30min
ALTO BELA VISTA 10/10/2014 – 13h30min

 

24/09/2014
OFICINAS PARA ELABORAÇÃO DOS PLANOS DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS ESTÃO ACONTECENDO ESTA SEMANA

Durante o dia de ontem (24) e hoje (25) está acontecendo na sala de reuniões da Amauc oficinas com os Comitês Diretores Locais, para apresentar as diretrizes e estratégias do Plano de Gestão integrada de Resíduos Sólidos – PGIRS.

            DATA PÓLO HORÁRIO
24/09/2014  Arabutã, Ipumirim, Lindóia do Sul e Irani 08h30min
24/09/2014 Seara, Itá, Paial, Arvoredo e Xavantina 13h30min
25/09/2014 Peritiba, Presidente Castello Branco, Jaborá, Ipira, Alto Bela Vista e Piratuba 08h30min
25/09/2014 Concórdia 13h30min

O trabalho para elaboração dos Planos está sendo desenvolvido pelo Consórcio Lambari desde o início do corrente ano para os 16 municípios que fazem parte da Associação dos Municípios do Alto Uruguai Catarinense.

A equipe está elaborando a Meta 3 – Aspectos Gerais do Planejamento das Ações, que consiste na definição das diretrizes e estratégias. Esta Meta busca trabalhar com os diferentes aspectos dos resíduos sólidos, propondo arranjos regionais e propostas de gestão associada intermunicipal.

Entre os itens debatidos foram expostas algumas propostas, dentre elas: a implantação de aterros sanitários consorciados; central de compostagem e tratamento de resíduos. Outra alternativa discutida foi sobre os resíduos de saúde. A sugestão é licitar em conjunto a coleta e destinação deste resíduo.

Quanto aos resíduos da Política Reversa (pilha, lâmpadas, baterias, eletroeletrônico, pneus…), a proposta é envolver empresas já consolidadas na Região na busca por implantação de pontos de coleta e destinação final adequada destes resíduos (expansão dos serviços) ou criar política Regional para que haja o envolvimento do comércio e dos fabricantes destes produtos.

Para os resíduos da construção civil a proposta é que sejam tratados de forma conjunta para os 16 municípios com a utilização de tecnologia móvel para o seu tratamento e destinação final.                                                                                               – Envolver empresas já consolidadas na Região na busca por implantação de pontos de coleta e destinação final adequada destes resíduos; (expansão dos serviços)

– Criar política Regional para que haja o envolvimento do comércio e dos fabricantes destes produtos; (responsabilidade compartilhada, isenta o município de resolver

Outro ponto que foi apresentado diz respeito a elaboração de um programa intermunicipal de Educação Ambiental voltado aos resíduos sólidos, este programa deverá trabalhar com todos os eixos dos resíduos e, principalmente, ser CONTÍNUO. A proposta é que este programa seja realizado pelo CONSÓRCIO LAMBARI, que já desenvolve parte deste trabalho nos municípios consorciados.

 

O engenheiro Ambiental e coordenador do Plano, Marcos Borsatti, esclareceu que na Meta 4 cada proposta será detalhada e apresentado seus custo, para averiguar a viabilidade ou não de suas implantações.

30/06/2014
OFICINAS DE MOBILIZAÇÃO PARA ELABORAÇÃO DO DIAGNÓSTICO DOS PLANOS MUNICIPAIS DE RESÍDUOS SÓLIDOS ENCERRAM HOJE

Membros do Comitê Diretor Local dos municípios de Peritiba, Piratuba, Presidente Castello Branco, Ipira, Alto Bela Vista e Jaborá, juntamente com a sociedade em geral se reúnem na tarde de hoje (30), no Centro de Convivência dos Idosos, no município de Peritiba, para Oficina dos Diagnósticos Municipais de Resíduos Sólidos.

Conforme o coordenador dos Planos, o Engenheiro Ambiental, Marcos Borsatti, as oficinas fazem parte da Meta 2 do Plano Intermunicipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, “as reuniões por polo são de extrema importância para que possamos elaborar o diagnóstico o mais perto da realidade de cada município”.

Durante a tarde irão acontecer dois eventos em paralelo, um será a Oficina de Apresentação do Diagnóstico para os coordenadores do comitê diretor local dos municípios, coordenada pelos engenheiros ambientais, Marcos Roberto Borsatti e Maycon Pedott, que terá como objetivo a demonstração da situação atual dos resíduos sólidos nos municípios. O outro evento será a oficina de participação social, coordenada pela Assistente Social Neusa Poletto Pucci, que visa debater e identificar os problemas relacionados aos resíduos sólidos nas comunidades e bairros de cada município.

Após a finalização das oficinas todos os dados serão tabulados sendo finalizado o Diagnóstico, o qual será levado para apreciação e validação nas audiências publicas que tem a data de inicio prevista para o dia 22 de julho.